Delegado Eraldo Brasil foi sepultado hoje em Atalaia

Colegas de profissão apresentam mensagens de condolências à família enlutada

327
Delegados e policiais civis no sepultamento

O corpo do delegado da Polícia Civil de Alagoas, Eraldo Brasil Filho, foi sepultado na tarde desta segunda-feira (12), no cemitério municipal de Atalaia.

O delegado Eraldo Brasil morreu na manhã deste domingo (11), em decorrência de um infarto fulminante, aos 64 anos. Ele estava no comando a delegacia do município de Mata Grande.

Delegados prestam sentimentos à família do Eraldo Brasil (foto AscomPC)

Presentes ao sepultamento, o secretário-adjunto de Segurança Pública do Estado, Manoel Acácio Júnior, policiais civis e delegados apresentam à família enlutada os sentidos pêsames.

O delegado Robervaldo Davino, presidente da Associação dos Delegados de Polícia de Alagoas (Adepol-AL), levou mensagens de condolências enviadas pela categoria.

O delegado Antônio Carlos Lessa, gerente de Academia de Polícia Civil, disse que Eraldo Brasil foi um dos mais empenhados delegados pela causa da segurança publica do Estado e comprometido com o crescimento da sua instituição.

COMPARTILHAR