28 C
Maceió, BR
| 17 de julho de 2019 |
Delegacia Geral – Polícia Civil de Alagoas

Estado muda procedimentos para concessão de licença médica

Print Friendly, PDF & Email

A Supervisão de Valorização de Pessoal da Polícia Civil de Alagoas, mais uma vez, lembra aos integrantes da instituição que a Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag-AL) mudou os procedimentos para a concessão de licença médica aos servidores públicos estaduais, sejam estatutários ou comissionados.

A decisão foi comunicada em reunião, realizada na sede da secretaria, com os gestores de recursos humanos dos diversos órgãos estaduais, entre eles, o supervisor de Valorização de Pessoal, da Polícia Civil, Vanderi Junior.

Segundo Vanderi, desde o dia 2 de maio, o servidor estatutário (delegado, agente e escrivão de polícia) que necessitar de licença médica terá prazo de três dias úteis, após a emissão do atestado médico, para comparecer ao setor de recursos humanos da Polícia Civil, apresentar o documento e abrir o processo da licença.

Caso não compareça dentro do prazo, o pedido não será indeferido pelo recursos humanos, mas na análise a ser realizada pela Superintendência de Perícia Médica e Saúde Ocupacional (SPMSO) estadual, o indeferimento pode acontecer.

Já os servidores comissionados terão direito a licença médica paga pelo Estado apenas durante 15 dias. Se a licença for por um período maior, o comissionado precisa procurar o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) a quem caberá efetuar o pagamento do período de licença, explicou Vanderi Junior.

VEJA MAIS

PC já começou a investigar morte de homem encontrado em árvore

ASCOM-PC

Marechal Deodoro: Três pessoas são presas durante ação policial

ASCOM-PC

Ação integrada liberta vítima de sequestro em Maceió e prende dois suspeitos

Agência Alagoas